Cultura ou falta de Educação?

Um casal se beijando loucamente, se amassando no ônibus, hj.
Uma senhora bem velhinha, me diz (alto):
– Não gosto de ver show. Não paguei para ver show.
Eu, constrangida (mas menos que os personagens do show):
– Sim…
Ela (mais alto):
– Vai fazer isso na frente do papai e da mamãe. Se não respeita as outras pessoas, respeita pelo menos o meu cabelo branco. Se ele amasse essa moça teria vergonha de deixar que as pessoas pensem que ela é uma qualquer. E a burra ainda deve pensar que é amada.

O casal parou, sem dizer nada (lógico), até se afastaram. Ela desceu no próximo ponto. E sem saber, ganhou minha admiração ♥

Essas foram as palavras da minha amiga Jé no facebook, acho que dá um gancho no que vou falar.

Vocês acham que a idosa está errada, é muito ranzinza, ou o casal realmente passou dos limites? Minha amiga Jé ainda é jovem, mas eu com mais de quarenta  anos acho um pouco de falta de respeito, apesar de já ter feito isso muitas vezes quando jovem, é claro que com o tempo vamos mudando nossos conceitos sobre o certo e errado, afinal, será que o certo realmente é certo, ou será que o errado realmente é errado?depende muito do ponto de vista de cada um. Com o passar dos tempos aprendi a refletir sobre tudo e tentar entender esse tal  ponto de vista de cada um, apesar que muitas vezes ouvimos e vemos coisas absurdas. Um fato que me aconteceu na semana do dia das mães. Eu, minha irmã e minha mãe fomos na escola ver a apresentação de nossos filhos e netos, bem, estava maravilhoso, logo após a apresentação tinha um casal tocando teclado e cantando ( lindo), o Diretor e a equipe escolar prepararam tudo perfeitamente, tinha uma mesa extensa com sucos, lanches e doces, enfeitada com rosas vermelhas. Após o discurso e agradecimentos do Diretor foi autorizado a todos se servirem, apenas bebi um copo de suco, mas juro que eu queria ter filmado, pois contando assim ninguém acredita, parecia um vendaval, ou um furacão talvez, as pessoas pegaram tudo em menos de três minutos, detalhe, a maioria mulheres (dia das mães), encheram suas bolsas e depenaram as rosas. Resumindo, após cinco minutos só ficaram  no salão, os funcionários, eu, minha irmã e minha mãe vendo o casal cantando, fiquei chocada, pasma, estática com tanta falta de educação.

Agora pensem, como esse adulto pode ensinar seu filho se nem ele se comporta como gente, isso é cultural? Pelo amor de Deus alguém tem uma explicação pra isso? Fiquei com vontade de dar uma surra naquelas pessoas.

Mas assistindo a aula do meu querido professor Rossi no último sábado falamos sobre essa história de ser “cultural”, então refleti:

Talvez eu como educadora enxergue as coisas por esse ângulo, mas para eles, essas mães isso pode ser normal, foi o modo como aprenderam.

Alguém tem outra sugestão? Se tiverem, deixem suas opiniões.

Beijos e uma semana educada e de muita cultura à todos.

Comente este post!

O seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados (*)

Comentário *