Trânsito em Sorocaba, carros ou carroças?

 

Hoje preciso falar de um assunto que está entalado desde que comecei a escrever neste blog. Não escrevi antes porque sempre apareciam assuntos interessantes, não que esse não seja, esse é decepcionante eu diria.

Bem, quero falar sobre o trânsito na cidade de Sorocaba. Tudo bem que é uma cidade de aproximadamente 600.000 habitantes, mas posso dizer que em São Paulo, que é bem maior, o trânsito é melhor, ou pelo menos as pessoas são mais educadas (morei 9 anos em São Paulo).

Quando eu vou de carro para o trabalho às vezes me distraio pensando: Morri e devo ter vindo direto para o inferno, só pode ser, não é possível que estou vendo tantas irregularidades, tantas irresponsabilidade, ou melhor dizendo, tantas pessoas “folgadas”no trânsito. Todos nós sabemos que quando entramos na auto escola é só para tirar carta, aprendemos mesmo no dia a dia, mas em Sorocaba as pessoas perderam a noção de educação no trânsito. Eu, motorista, sou obrigada a adivinhar que o cara vai entrar à esquerda ou à direita, isso quando ele não dá seta para a direita e entra à esquerda, ou quando dá seta… porque na maioria das vezes tenho que adivinhar, se eu pelo menos acreditasse em bola de cristal, confesso que compraria uma para adivinhar os imprevistos do trânsito Sorocabano. Sem falar naqueles “motoristas” que a qualquer momento dão seta na sua frente, não dão espaço nem de passar uma mosca e já entram, e você não tem o direito de ficar brava, tem que ser educada e dar passagem.

E os motoqueiros então, são verdadeiros folgados, se você não deixá-los passar, arrancam seu retrovisor. Quando o sinal fica verde, então, demoram “um ano” para saírem do lugar (eu confesso que odeio gente lerda). Ah, mas isso é pouco, e quando abrem a porta e descem em pleno trânsito, conversam, trocam telefone e, se abusarem, até namoram? As faixas de pedestres, então, ninguém respeita, só se o pedestre ajoelhar e pedir pelo amor de Deus me deixem passar.

Sou motorista há 5 anos, procuro respeitar as leis de trânsito, não ultrapasso a velocidade, nunca levei uma multa e nunca passo no sinal vermelho, mesmo que quisesse me filho sempre me cobra, se eu passo no amarelo ele já me dá bronca. Fico feliz, pelo menos tenho uma chance de ter um filho responsável no trânsito.

 

Bem, finalizando, esqueci de falar dos ciclista. Sorocaba é uma cidade cheia de ciclovias, uma cidade educadora, mas muitos ciclistas andam na rua atrapalhando os carros, acho que a Cidade Educadora falhou na educação no trânsito.

Solução? Eu achei uma, procuro não me irritar, falo sempre ” Deus Abençoe ” para não dizer outra coisa como: Vai se fo…. , vocês sabem.

Do meu ponto de vista, acho que deveria ser obrigatório ter nas escolas uma disciplina de “Educação e responsabilidade no trânsito”, ou pelo menos na cidade de  Sorocaba, pois só assim talvez haveria uma chance dessa porcaria de trânsito ser melhor. Acho que esse é um dos motivos da minha gastrite nervosa.

Sorocabano, acorda, vamos ter mais consciência e responsabilidade, vamos parar de ser lerdos e inseguros no trânsito, então?

Se você é Sorocabano ou já viveu essa angústia e essa sensação da falta de educação no trânsito, compartilhe e desabafe aqui comigo. Beijinhos, até sexta.

 

 

 

 

Comente este post!

O seu endereço de e-mail não será divulgado. Os campos obrigatórios estão marcados (*)

Comentário *